istanbulescortlartr.org/usuario/birovisky/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > birovisky
28 years Matão - (BRA)
Usuário desde Fevereiro de 2016
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Veja bem, eu sou um homem de gostos simples. Eu gosto de pólvora, dinamite e gasolina. Você sabe o que essas coisas tem em comum? Elas são baratas!

Confiram minhas "ReZenhas" Críticas em: http://rezenhando.wordpress.com/

Siga-me no Twitter - http://twitter.com/Birovisky
Siga-me no Instagram - http://instagram.com/Birovisky
Curta no Facebook - http://www.facebook.com/rezenhandoaculturapopaz/
Inscreva-se no Youtube - http://www.youtube.com/channel/UCCfmjZm3KuEE-XsNhfBnqvQ

Últimas opiniões enviadas

  • Felipe

    Quem assistiu achando que ia ser comédia? - h t t p s : / / rezenhando . wordpress . com /2019/01/14/rezenha-critica-se-enlouquecer-nao-se-apaixone-2010/

    Aquele filme surpreendente que você começa assistir achanddo que será uma daquelas puta comédia mas que na verdade é um baita drama tratando deum tema tão sensível como a depressão. Muito por culpa da péssima tradução para nosso idioma do título original.

    O protagonista tem uma evoluçãio incrível, tanto que no começo do filme eu tava pegando muita febre com o garoto mas depois você vai entendendo as camadas e o peso que o mesmo carrega. Uma pena que o filme fica monótomo em muitas partes e alguns personagens sem carisma algum, principalmente o princnipal motivo que me fez querer ver esse filme, Zach Galifianakis, mesmo sendo um filme sério o personagem dele necessitava ter um pouco mais de carisma, afinal era o líder ali daquela ala psiquiátrica do hospital.

    A trilha sonora do filme é um caso a parte e o que eleva a nota, o tema da minisérie “Amors Roubados” e a cena com Under Pressure no qual os personagens reinterpretam o clipe original é muito bacana, emociona demais!

    A mensagem final faz o filme valer a pena, afinal ou estamos ocupados demais nascendo ou ocupados demais morrendo, passagem poetizada pelo mestre Bob Dylan e que é referenciada no filme, temos que VIVER!

    Iria assistir de novo? Talvez!

    Minha nota é 3,5/5.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Ana
    Ana

    Ora essa! Vou estando atenta aos teus reviews! Portugal :)

  • Luciano M.
    Luciano M.

    Consegui achar a fonte pra baixar o novo filme do Tommy Wiseau, meu velho.
    Brigadão e grande abraço.

  • Nathália
    Nathália

    hahahh o nicolas cage mereceu meu primeiro (e provavelmente único) comentário positivo sobre sua carreira.

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.